Tudo o que você precisa saber sobre a Toxoplasmose Felina

A toxoplasmose felina é um parasita que atinge gatos e humanos e na hipótese de uma grávida ser infectada, se durante a gestação não houver aborto espontâneo, o bebê pode nascer com sequelas.

Além disso, as américas do sul e central têm maior predisposição a contrair o vírus, por isso, a importância de manter seu gato protegido dentro de casa e bem alimentado. Neste artigo conheceremos sobre a toxoplasmose e como preservar os gatos e humanos de uma infecção.

Por isso, não saia daí e acompanhe essa leitura até o final e AH! Não se esqueça!

Se você ou seu gato apresentar qualquer um dos sintomas apresentados, compareça imediatamente ao médico, ok?

Boa leitura!

O que é toxoplasmose felina?

A toxoplasmose felina é causada pelo Toxoplasma Gondii, uma doença de origem parasitária que tem como hospedeiros os gatos e demais mamíferos, incluindo o homem. Os felinos, porém, são os hospedeiros definitivos, ou seja, os primeiros a contrair e transmitir o vírus aos demais seres.

A evolução do Toxoplasma Gondii acontece em três fases e varia de hospedeiro para hospedeiro.

  • Oocistos: Fase inicial, o parasita fica alojado no intestino dos felinos.
  • Taquizoítos: Encontrados especificamente no homem tem reprodução acelerada e é detectada no sangue.
  • Bradizoítos:  Multiplicação lenta identificada na última fase da doença, hospedada dentro de pequenas elevações sobre a pele do animal.

De acordo com estudos, apenas as ovelhas têm acesso à vacinação contra toxoplasmose, por essa razão é necessário que sejam feitos testes contínuos em humanos e gatos.

Transmissão

A transmissão da toxoplasmose felina acontece quando um gato come um animal infectado, por exemplo, os ratos, o vírus é armazenado no intestino e expelido por meio das fezes. O humano, por sua vez, é contaminado quando, sem proteção, tem contato com os excrementos do gatinho doente.

Além disso, ainda é possível que a propagação do parasita seja por meio da alimentação de comidas cruas e/ou mal-lavadas. É importante ressaltar que a única transmissão entre humanos é de maneira gestacional.

Toxoplasmose na gravidez

De acordo com estudos, na maioria dos casos, não há apresentação de sintomas da toxoplasmose felina na gravidez. Por essa razão, é fundamental que o teste seja feito até três meses antes de engravidar e a cada três meses durante a gestação. Estima-se que 80% da população sul-americana tenha predisposição a contrair o vírus.

Na hipótese da mãe ser infectada, os danos causados ao feto dependem do período gestacional, entretanto, desde o primeiro trimestre os riscos existem, podendo chegar inclusive ao aborto. Observe:

Período GestacionalConsequência
1 a 3 meses
Aborto
4 a 6 meses
Inflamação da retina

Alterações cerebrais

Aumento ou diminuição do cérebro
7 a 9 meses
Cegueira

Manchas pelo corpo

Sintomas

Geralmente os sintomas da toxoplasmose felina não são específicos, podendo confundir-se com outras infecções respiratórias e digestivas, contudo existem os mais frequentes:

  • Gatos
  1. Inflamação nos olhos
  2. Febre
  3. Falta de ar
  4. Emagrecimento
  5. Coloração amarelada da pele ou olhos
  6. Apatia
  7. Falta de coordenação motora
  • Humanos
  1. Febre
  2. Perda de peso
  3. Secreção nos olhos
  4. Catarro
  5. Tosse
  6. Espirros
  7. Fraqueza
  8. Falta de ar
  9. Prisão de ventre
  10. Inflamação intestinal

Prevenção

Conforme dissemos anteriormente, a única vacinação disponível para toxoplasmose é para a imunização de ovelhas, dessa forma a prevenção deve ser feita de forma precoce e se baseia em:

  • Cuidados com a alimentação

Não coma alimentos crus ou mal cozidos, e ainda, lave bem frutas, verduras e legumes. Mantenha os animais alimentados e evite que eles comam outros animais que possam ser portadores do vírus.

  • Higiene

Limpe com frequência o local onde os gatos vivem e não deixe caixas de areia próximo às crianças. Ao ter contato com jardins faça o uso de luvas e lave as mãos.

Conclusão

Durante a leitura vimos que a toxoplasmose felina é contraída pelo parasita Toxoplasma Gondii encontrado no intestino de um animal infectado e expelido pelas fezes, por essa razão, é fundamental manter o local limpo.

Além disso, vimos também que mulheres grávidas portadoras do vírus podem não apresentar sintomas, dessa forma, é indispensável que sejam feitos testes durante toda a gravidez. Do contrário, na hipótese de infecção, as sequelas duram a vida toda, por exemplo, a cegueira.

Testes para vacinação contra a toxoplasmose felina ainda estão sendo feitos, portanto, evite alimentos crus ou mal cozidos e ao mexer na terra ou em caixas-de-areia, use luvas.

O Lilicão Pet Store conta com profissionais experientes para fazer um check-up completo do seu amiguinho e certificar que não existem riscos de infecção. E ainda, vacinação, alimentação e acessórios para mantê-lo saudável e seguro. Além de internações, cirurgias e laboratórios 24h.

Gostou deste artigo?

Então não deixe de nos visitar e compartilhar com os amigos.